22 de outubro de 2008

Resoluções e Saldo parcial

Fim de ano batendo à porta, hora de sentar e começar a fazer o balanço de 2008 e planejar 2009. Fazer as famosas "Resoluções da Ano Novo", aliás resoluções que dificilmente alguém segue né?

Eu por exemplo nunca segui à risca nenhuma, já tentei, algumas até aconteceram, mas nada do tipo: "Eu tenho que cumprir". Este ano, por exemplo, consegui um emprego melhor, coisa que já estava nos planos, mas foi algo que aconteceu, não trabalhei efetivamente pra que isso acontecesse.

O legal de fazer "Resoluções" é que você tem pelo menos um norte, um lugar pra onde você quer caminhar, e nesse sentido acho super válido. O ruim é que se você se apega demais e não consegue perder aqueles 3 quilinhos que tanto incomodam ou mudar o visual radicalmente você se frusta e acho que frustação é uma palavra que eu definitivamente quero riscar do meu vocabulário em 2009.

Para o Tudo de Blog



Dois mil e oito, pelo menos até agora, foi um ano de mudanças e principalmente de amadurecimento. Mudança de companhias, de limpeza no "hall social", limpeza nas companhias e nos ambientes que eu frequentava. Não que eu fizesse parte da escória joseense, mas é que sei lá viu... Não me arrependo, até porque "fazer merda ajuda a adubar a vida", mas que 2008 está melhor que 2007 não posso negar, do ano passado ficou quem realmente fez a diferença. O restante do povo de 2007 ficou guardado (com carinho) na caixinha das lembranças. Sendo assim acho que 2008 vai precisar de uma caixinha maior: mais gente especial na minha vida. Gente que por um motivo ou por outro quero levar para todos os anos seguintes. E teve quem voltou também em 2008. Quem eu achava que jamais voltaria a figurar nesse espetáculo chamado "vida", foi voltando bem devargarzinho (ou seria devagarinho?) e tomando a frente e virando protagonista e me trazendo paz.

É cedo ainda pra pensar num balanço geral, mas minhas relações sociais este ano com certeza evoluíram

9 comentários:

  1. É sempre assim..
    A lista pro ano novo!(Ano novo, vida nova!)
    Aí a gente se perde nela...
    Ganhamos coisas que nunca imaginariamos e perdemos outras.
    Ninguém passa a vida toda ganhando sem perder.

    Mas sempre vale a pena ;)

    ResponderExcluir
  2. Olá moça, passando pra conferir as novidades e dizer que eu também venho escrevendo um post sobre essas resoluções. Algo que comecei agora, mas que postarei apenas lá, quase no final de ano. Beijo e parabéns pela qualidade de seus artigos, viu!

    ResponderExcluir
  3. Espera aí? Você é joseense? KKKKK ... Eu também. Abraço, moça da minha cidade!

    ResponderExcluir
  4. Ah, um balanço?
    MUITA coisa boa esse ano.
    Coisas que me fizeram querer sair correndo e me jogar da ponte também, confesso.
    Mas tá valendo.
    Se não serviu de aprendizado, pelo menos me deixou bem puta!rsrs...

    Bjo Pri!
    Saudade!

    ResponderExcluir
  5. Acho legal fazer resoluções, não para cumprir tudo à risca, mas para ter em mente coisas que precisam ser feitas e mudadas em nossas vidas. Todo ano faço algumas, poucas são cumpridas, mas acho sempre válido :)

    ResponderExcluir
  6. Ah, que bom! 2008 foi muito bacana para mim também, mas 2007 foi top na minha vida, acho que nunca mais superarei heaueh


    Beijo :*

    ResponderExcluir
  7. Ah, concordo contigo! Planejamento pra mim só tem um significado: frustração! kkkkkkkkkk
    A vida é para ser vivida e não pensada (:

    Obrigada pelo elogio no blog..
    Como me encontrou por aí?

    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  8. Oi, Priscila, tudo bem, garota? Vi seu post na revista Capricho, arrasou, hein? Parabéns, mesmo! Você escreve muito bem, não me admira que tenha aparecido na revista mais fofolette do país. Beijoss

    ResponderExcluir