2 de junho de 2009

El King Kong

Tem coisas que acho que só acontecem comigo. Deve ser destino, acaso, ou de fato eu faço parte de uma comédia muito bem redigida por Deus. E dentre tantos capítulos nessa novela mexicana que poderíamos de chamar de "A fantástica e fabulosa vida de Priscila Souza", fica difícil escolher qual o capítulo mais hilário desses 24 anos (não tão) bem vividos.

Para poupar dos detalhes sórdidos e não ficar com uma imagem muito suja vou contar apenas o último dos micos que esta que vos tecla protagonizou:

Eu tenho a pequena mania de ligar para minhas amigas e dar uma de louca e pedir pizza. Ou lanche. Ou perguntar se é do hospício e solicitar uma internação. E minha amiga tem o costume de continuar a brincadeira ou fingir que é engano.

Enfim, domingo a tarde resolvo ligar pra combinar com uma dessas amigas a programação noturna (ou: para qual bar iríamos rumar). Como sabia que ela havia me ligado no sábado resolvi eu fazer uso das últimas chamadas registradas no meu celular, afinal preguiça e praticidade muitas vezes andam de mãos dadas.

Eis que ao atenderem o telefone dá-se início a um diálogo estranho. Bem estranho. O problema é que eu não liguei no celular da amiga, sem querer acabei ligando na casa... E mais sem querer ainda quem atendeu foi a irmã dela. Não preciso dizer que achei que minha amiga esta fingindo que não me conhecia e por pouco eu não pedi pizza pra irmã dela né?

Desatenta? Eu? Imagiiiina. Porque dos micos que eu paguei esse é o mais light. E o mais recente também...

2 comentários:

  1. Atualizau a foto do blog, ficou bem legal, também gostei do post. Até mais...

    ResponderExcluir
  2. Onw! Onde estavas, minha irmã gêmea ? ;D
    Desastrada, desatenta e qualquer sinônimo desse? IMAGINA !!
    kkkk³..

    Beeijo ;*

    http://lohzittha.blogspot.com

    ResponderExcluir