9 de março de 2017

Carinhoso



Ah se tu soubesses como sou tão carinhosa
E o muito, muito que te quero
E como é sincero o meu amor
Eu sei que tu não fugirias mais de mim

Vem, vem, vem, vem
Vem sentir o calor dos lábios meus a procura dos teus

Se você soubesse o quanto essas coisas simples como ontem me fazem feliz, acho que você me encheria de coisas simples.
Não é sobre voltar.
Eu não quero voltar, porque voltar significa regredir, significa ser como era antes. Acho que a gente mudou um pouco nesses quase dez meses.
Eu continuo te achando uma idiota por ainda não ter corrido atrás do prejuízo. É. Eu disse outra vez: por que você precisa ser igual a todo mundo e só dar valor quando realmente perder?

O sorriso bobo que você me causa é maior do que tudo.
Eu sei que pra você muita coisa deve doer, mas não vou me intrometer, estou aqui. Eu ainda estou aqui.
Eu ainda amo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário